↓ Choose the Language ↓ 

EnglishFrenchGermanSpainItalianDutch
RussianPortugueseJapaneseKoreanArabicChinese Simplified

Castelo Drummond Escócia

Endereço → Muthill, Crieff PH7 4HN (Preço: 6 Libras por pessoa) 

O Castelo Drummond é famoso por abrigar um dos jardins mais bonitos da Escócia.

O Castelo Drummond é famoso por abrigar um dos jardins mais bonitos da Escócia. Ele é irretocável! Parece uma pintura!

Atenção! O acesso ao jardim só é possível à partir das 13 horas! 

O Castelo Drummond fica em Perthshire, à 88 Km de Edimburgo (cerca de 1 hora e 20 minutos de carro). É um ótimo passeio bate-volta.

O castelo, é composto por uma torre, construída no final do século 15, e por uma mansão erguida no século 17, que foram reconstruídos na "Era Vitoriana". O interior do castelo não é aberto ao público, somente os jardins.

          É aqui na entrada que compramos os ingressos.

 

Ao descer pela bela escadaria de pedra, todos os caminhos nos levam a uma impressionante seleção de flores, arbustos, gramados e árvores, distribuídos de forma milimetricamente geométrica.

Ao descer pela bela escadaria de pedra, todos os caminhos nos levam a uma impressionante seleção de flores, arbustos, gramados e árvores, distribuídos de forma milimetricamente geométrica.

No meio do jardim tem o mais antigo relógio de sol em forma de obelisco da Escócia. Ele data do ano de 1630.

Castelo Drummond o mais antigo relógio de sol em forma de obelisco da Escócia. Ele data do ano de 1630.

O jardim ficou famoso por possuir espécies botânicas plantadas pela própria Rainha Vitória, quando ela visitou a propriedade em 1842. 

Havia um certo número de visitantes no dia que fomos, mas mesmo assim parecia vazio, rs. O jardim é grande e passa uma sensação de paz e tranquilidade.

 

Olha essa história!

O Castelo Drummond pertence a família Drummond que atualmente tem parentes no estado de Minas Gerais, nas cidades de Itabira, Teófilo Otoni, Araxá e Belo Horizonte. 

No início da década de 1930, houve um comunicado em rede nacional no Brasil convocando os herdeiros até terceiro grau, ou seja, até bisnetos da família, a se identificarem e solicitarem a herança da Escócia. O curioso foi que estes herdeiros deveriam ir ao Rio de Janeiro munidos de documentos, massssss..... ninguém tinha um documento que comprovasse o parentesco!!!!!! 

Apenas um dos herdeiros, João Magalhães Drummond, tinha documentos que ligava a família ao castelo. Porém, devido ao fato da decepção da perda de sua amada vitimada pela tuberculose e a crise política acontecida no final do século 19, o ex-tenente da cavalaria da família real brasileira e responsável pela escolta da Princesa Isabel, mudou-se do Rio de Janeiro para Teófilo Otoni (MG), deixando para trás tudo referente ao seu passado. E com isso, os documentos se perderam.

Entre os herdeiros desse castelo (e de outras 4 propriedades na Escócia), estão vários Drummonds que vivem até hoje uma vida pacata com suas famílias em Minas Gerais, não demonstrando ou sem sequer saberem que seus antepassados foram tão poderosos na Europa e possuíram uma vasta fortuna em propriedades. 

Um desses descendentes dos bisnetos conseguiu prestígio nacional no Brasil. É o nosso querido poeta Carlos Drummond de Andrade!

Sem herdar a riqueza escocesa, acabou imortalizando o sobrenome da família, não pelos castelos ou propriedades, mas sim, pelas belas palavras em versos e poesias.

 

Informações úteis 

O estacionamento do castelo é muito bom. É grande, cheio de árvores e tem um ótimo banheiro. 

Também tem algumas mesinhas para pic nic. 

Importante: No castelo não tem cafeteria! Então leve seu lanche e água para beber durante o passeio.

Apesar de ter muitas escadas, o castelo teve a preocupação com acessibilidade. Há uma estrada lateral asfaltada, tipo uma rampa, para as cadeiras de roda descerem até o jardim!

Sobre a estrada até chegar no castelo, é bom avisar que são bem rurais. A gente encontra bastante trator pelo caminho. A estrada vai ficando cada vez mais estreita e não tem acostamento. Praticamente cabe um carro apenas na pista, acredita? Quando vem carro no sentido contrário, é uma manobra só! Os dois tem que avançar um pouco pelo mato kkkkk, tô falando sério! Imagina isso tudo dirigindo na mão inglesa! (volante do lado direito do carro). Tem que ter muito cuidado. A maioria das estradas na Escócia são assim! 

De tempos em tempos aparecem bolsões na estrada, é quando ela fica um pouco mais larga e dá para "chegar pro lado" e esperar o outro carro passar. Eu achei útil escrever isso, porque no caminho até o castelo eu pensei que estávamos perdidos, porque o sinal do GPS falhava toda hora. Mas nem tem jeito de errar, é só ir reto porque só tem essa estrada mesmo, rs.

Leia meu post Como Dirigir na Mão Inglesa - Estradas no Reino Unido clique AQUI

 

Castelo Drummond na série Outlander

O Filme Rob Roy teve cenas gravadas aqui no Castelo Drummond. Mas foi a série Outlander que deixou o lugar mais conhecido.

Em Outlander, os jardins do Castelo Drummond foram os jardins do Palácio de Versailles, na França (Temporada 2 Episódio 5). 

 

 

Outlander série no Castelo Drummond cenas Versailles Ana Cassiano Histórias de Viagens

 

Quando o Palácio de Versailles tinha que aparecer nas cenas, a produção fazia uma montagem usando o computador.

Leia o Roteiro Outlander Completo na Escócia, onde eu mostro todas as locações do país onde as cenas da série foram filmadas. Clique AQUI

 

Leia também:

Edimburgo e seus Pontos Turísticos

Como Dirigir na Mão Inglesa - Estradas no Reino Unido

Outras cidades e passeios pela Escócia

Ana Cassiano

Morei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.