Os famosos Mercados de Natal da Alemanha

Choose the Language ↓ Escolha o Idioma

EnglishFrenchGermanSpainItalianDutch
RussianPortugueseJapaneseKoreanArabicChinese Simplified
 
 

 

Weihnachtsmarkt é o nome de Mercado de Natal em alemão. Eles resistem ao tempo, são cheios de simbolismos e carregam séculos de tradições alemãs. Antigamente as crianças acreditavam que o Papai Noel “comprava” os presentes de Natal nesses mercados.

Toda cidade, por menor que seja, tem seu próprio Mercado de Natal. Tem mercados pequenos e simples, mas tem aqueles famosos e mais visitados. 

Por tradição, funcionam sempre de 11 da manhã à 11 da noite, todos os dias, entre 23 de novembro à 23 de dezembro. 

    Frankfurt

 

Os mercados de Natal estão sempre cheios de gente, independente da hora. A gente vê famílias, crianças em grupos com a escola, turmas da terceira idade, amigos curtindo um Happy Hour e até mesmo empresas comemorando o fim de ano com seus funcionários! Gente de todas as idades e em todas as ocasiões, porque faz parte da tradição alemã visitar o mercado de Natal todos os anos!

 

Os mercados mais famosos

O Mercado de Natal mais famoso da Alemanha é o da cidade de Nürnberg. É visitado por 2 milhões de pessoas por ano. 

    Nürnberg

 

Porém, o mais antigo e tradicional é o de Frankfurt. Já existe há 600 anos! É montado na Römerplatz, iluminado por uma gigantesca árvore de natal.

    Frankfurt

 

    Linda Feira de Natal aos pés da catedral de Köln.

 

Na cidade onde eu morava tem um Mercado de Natal lindo também. Mostro nas fotos abaixo, minha querida Mannheim!

 

Parques de diversão

Os parques de diversões estão sempre presentes nos mercados de Natal da Alemanha. Tem roda-gigante e carrossel, figuras lúdicas que agradam até os adultos, fazendo-os retornar à infância e aos prazeres mais simples. 

Esses mercados podem parecer meio kitsch para turistas de outros países. Mas na verdade, representam a alma alemã pura, na qual prevalece apenas o espírito de Natal genuíno, e não os hábitos consumistas infelizmente presentes nessa época do ano.

    Cidade de Erfurt

 

Os mercados reúnem bancas que vendem enfeites de natal artesanais, na maioria deles feitos pela mesma família há gerações. Muitos são esculpidos em madeira, lembrança dos tempos antigos em que os lenhadores tiravam o seu sustento das florestas e exibiam a criatividade artística através desses objetos. São peças caras e totalmente artesanais. Verdadeiras obras de arte!

    Meu marido numa barraca de artesanatos de madeira, na feira de Natal da nossa cidade - Mannheim.

 

Além dos enfeites natalinos, podemos comprar velas, personagens de presépio (sempre feitos em madeira) e as famosas caixinhas de música, que têm manivelas e são movidas à mão. Uma graça! 

 

O Quebra-Nozes

Outro objeto bem típico alemão é o "Nussknacher" - o quebra-nozes! Sobre ele, tem uma história bem interessante. 

Ele representa profissões variadas, foi criado no século 19, e era a forma encontrada pelos lenhadores para expressar suas críticas contra os reis e soldados. Eles eram ridicularizados nas pequenas figuras dos bonequinhos. E para disfarçar tudo isso, os lenhadores deram logo uma utilidade ao objeto, quebrar nozes!

Tem também os "Rauenchermännchen"Eles são simpáticos, coloridos, engraçados e tem esse nome quase impronunciável, que significa homens fumadores. Na verdade servem para segurar incenso. Durante todo o período natalino o incenso perfuma o ambiente, lembrando o presente que um dos Reis Magos trouxe para Jesus.

 

As pirâmides de Natal

A pirâmide de Natal, também chamada de Torre do Advento, é um dos enfeites natalinos mais antigos da Alemanha. Vem desde a Idáde Média. Ela é feita de vários andares de madeira, com uma hélice no topo. 

No centro de cada andar, há símbolos de natal, como presépios, anjos ou figuras relacionadas às florestas. 

    Dresden

 

    Stuttgart

 

É um artigo de artesanato feito à mão e custa muito caro. É costume das famílias alemãs terem uma pirâmide em casa. Nesse caso, a hélice do topo gira através do calor de velas colocadas na base da pirâmide. 

Já nos mercados de Natal da Alemanha, as pirâmides são enormes, e na época de Natal, são montadas no meio da praça principal de cada cidade. Nesses casos, as pirâmides são elétricas e ficam tocando uma linda música natalina enquanto giram. 

Weihnachtsmarkt Mercados de Natal na Alemanha Pirâmide de Natal Blog da Ana Cassiano anacassiano.com.br    Nós em Heidelberg

 

Glühwein, o vinho quente

Nessa época do ano faz muito frio por aqui! Mesmo assim, os alemães lotam os mercados de natal das suas cidades. Para se esquentar, bebem o "Glühwein" - vinho quente. É uma delícia e esquenta mesmo!

Glühwein Weihnachtsmarkt Vinho quente Alemanha Mercados de Natal Blog da Ana Cassiano anacassiano.com.br    Em Ludwigshafen am Rhein

 

A caneca onde o vinho quente é servido é praticamente um ítem de colecionador. Cada mercado de Natal tem a sua, com características próprias. Umas têm o formato de bota de papai noel, outras são decoradas e desenhadas. Lindas! Se você quiser, além de beber o vinho quente, pode ficar com a caneca como souvenir. É só pagar um pouco mais por isso.

Essas canecas abaixo são do mercado de Natal de Stuttgart, cidade onde meu filho estuda e mora.

 

Feuerzangenbowle

Fala esse nome rápido 3 vezes sem gaguejar que eu quero ver! rs

É só separar as sílabas para entender o significado: 

Feuer = Fogo

Zangen = Alicate (no caso, para segurar a barra de açucar)

Bowle = Bacia

É praticamente a mesma receita do Glühwein, mas tem que jogar um pouco de rum sobre uma barra açúcar flambada, enquanto ela derrete dentro de uma bacia.

Nas feiras de Natal, as barracas que vendem o Feuerzangenbowle tem bacias de cobre enormes, e são muito tradicionais, tem que ter!

Feuerzangenbowle Mercados de Natal Alemanha Weihnachtsmarkt Blog da Ana Cassiano anacassiano

Tem um filme antigo, muito assistido nessa época do ano, que mostra todo o preparo e tradição que envolve essa bebida de Natal. Eu já assisti; o filme é bem engraçadinho, eu gostei. O filme é esse do cartaz abaixo:

 

Bratwurst

O famoso "Bratwurst", pão com salsicha, é sem dúvida a comida típica mais consumida. Muitas variedades de salsichas são assadas em um grande braseiro. Mostarda e chucrute são os acompanhamentos. 

 

Kartoffelpuffer

A "Kartoffelpuffer" (panqueca de batata) também é uma delícia! É tipo uma massa de batata que eles fazem, como se fosse um purê mais grosso um pouco, e que depois fritam. Vc escolhe um molho, doce ou salgado, e eles jogam o molho em cima. O molho doce é feito de frutas vermelhas ou de maçã, tradicionais nessa época do ano.

 

Marzipã e Gengibre

E os doces feitos de Marzipã ou Gengibre são os mais típicos. Marzipã é uma massa feita à base de amêndoas moídas, açucar e clara de ovo. Pode ser facilmente moldada, e os alemães adoram confeitar coisas com marzipã.

    Frankfurt

 

 

Stollen, Lebkuchen e Biscoitos Amanteigados

Também fazem parte da tradição o "Stollen", que é um tipo de Panettone, o "Lebkuchen" (pão de mel) e os biscoitos amanteigados assados. Os alemães deixam para comprar essas coisas nas Feiras de Natal porque são feitos artesanalmente, geralmente com receitas especiais de família. Bem melhor que comprar em supermercado!

Durante essa época do ano, é uma grande diversão para a criançada fazer os biscoitinhos amanteigados em casa com os pais. Elas viajam na criatividade, inventando formas e decorações. Mas também podemos comprar nas Feiras de Natal! Eles vêm em pacotinhos, é uma tentação! A gente quase morre de tanto comer! Fica um cheirinho no ar, de biscoito amanteigado... É um cheiro bem típico de natal!

 

Casinhas de Biscoitos

É a casa comestível que é a cara do Natal. Começou a ser feita na Alemanha no início de 1800 e foram inspiradas na história infantil João e Maria, em que duas crianças abandonadas na floresta encontram uma casa feita inteiramente de guloseimas. 

Após o conto dos irmãos Grimm ter sido publicado, padeiros alemães começaram a assar casas de pão de gengibre ornamentadas com doces. A produção tornou-se popular durante o Natal e se expandiu pelo mundo através dos imigrantes alemães.

É uma tradição forte na Alemanha fazer uma casinha de biscoitos juntamente com seus filhos. 

 

Adventskalender

O calendário do advento também é uma invenção dos alemães. Vem dos Luteranos que faziam a contagem regressiva para o dia da véspera de Natal. 

O primeiro calendário do advento impresso foi produzido em Hamburgo em 1902. Antes disso, a contagem era feita com um simples risco de giz na porta da casa, começando no dia 1º de dezembro indo até o dia 24, ou pendurando um santinho na parede a cada dia. 

O alemão Gerhard Lang foi o pai do calendário do Advento moderno. Ele era um tipógrafo na Reichhold & Lang de Munique que, em 1908, fez 24 figuras coloridas que poderiam ser coladas em um cartão. Alguns anos depois ele lançou um calendário com 24 pequenas janelas, preenchidas com doces ou outras miudezas. 

Muitos calendários foram adaptados por comerciantes e artesãos para acomodar um pequeno chocolate ou outro confeito em cada divisão. As crianças adoram e esperam ansiosamente para ganharem os seus.

Já no mês de novembro, as lojas e supermercados ficam com as prateleiras lotadas de Adventskalender, de diferentes tamanhos e preços, e com uma variedade tentadora. Impossível resistir.

 

Curiosidades sobre o Natal

  • A árvore de Natal surgiu na Alemanha (e no mundo) por causa de Lutero. 

  • Quem difundiu o costume de ter árvore de Natal em casa foi o príncipe alemão, casado com a Rainha Vitória da Inglaterra.

  • Bolas de Natal, uma invenção alemã. 

  • Quem realmente foi Papai Noel? 

  • Por que pendurar meias nas lareiras e colocar sapatinhos nas janelas na época de Natal? 

  • Coroa do Advento e Guirlandas de Natal: Também são invenções alemãs!

  • Origem da música "Noite Feliz"

 

Saiba tudo sobre esses e outros símbolos de Natal clique AQUI

 

Leia também:

Outras cidades e passeios pela Alemanha

    

Clique e acesse minhas Redes Sociais

    

     

    

    

Ana Cassiano

Morei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.

MMorei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.orei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.