Veneza

Choose the Language ↓ Escolha o Idioma

EnglishFrenchGermanSpainItalianDutch
RussianPortugueseJapaneseKoreanArabicChinese Simplified
 
 

Conheça Veneza em 4 dias, Veneza com crianças

Quem não se lembra da importância de Veneza nas nossas aulas de história?

Foi uma grande potência marítima durante a Idade Média e o Renascimento, além de ser uma ponto de parada para as Cruzadas e um centro comercial e artístico muito importante entre os séculos 13 e 17. 

4 dias são suficientes para conhecer Veneza. A primeira vez que fui, foi no mês de abril (primavera na Europa) e já estava bem quente por lá! A Itália é quase sempre quente, uma delícia! Também já fui no verão e no carnaval. Vou contar tudo.

Assista ao filme "O Turista", com Angelina Jolie e Johnny Depp. O filme acontece todo em Veneza, com lindas paisagens. É um filme muito bom de ação, tenho certeza que vc vai gostar. Assista ao trailer AQUI

Sabe por que Veneza é considerada a cidade mais romântica do mundo? Porque tudo lá é tão caro, mas tão caro, que a única coisa que é de graça é o beijo. Então o povo aproveita, né! kkkk. 

Quem vai à Veneza tem que estar preparado para levar sustos com os preços das coisas. Mas calma, não vou começar falando disso logo de cara. Conhecer Veneza vale qualquer esforço. Tirando esse fato, a cidade é romântica mesmo. Quer dicas de como conhecer Veneza? Não precisa. É só caminhar pela cidade de mãos dadas e pronto.

Como é o passeio de gôndola em Veneza

Muitos dizem que é a cidade mais linda do mundo. Por ter sido construída no meio da água, isso torna Veneza uma cidade única e muito interessante sem dúvida. Depois dela, as outras cidades serão apenas "as outras". É como se fosse uma maquete. Tudo por lá parece ser de mentira. Tem uma paisagem completamente diferente de todas as cidades que eu já conheci até hoje, isso eu posso afirmar.

Assista ao video abaixo:

 

Andando pelas ruelas estreitas (tem ruas que só passa uma pessoa por vez!) existem muitos antiquários e milhares de lojas que vendem máscaras do carnaval veneziano. São lindíssimas! Verdadeiras obras de arte. Mesmo com o preço alto, é quase impossível resistir. Comprei 2 máscaras que usei no carnaval, e hoje elas viraram peças de decoração na minha casa. 

máscaras de carnaval em Veneza

 

O carnaval de Veneza 

O Carnaval de Veneza surgiu no século 16, quando a nobreza se disfarçava para sair e misturar-se com o povo. Desde então as máscaras são o elemento mais importante do carnaval de lá. A festa em Veneza dura 10 dias, com noites recheadas de bailes de gala em salões chiquérrimos.

 

Os Passeios de Gôndola 

As Gôndolas são uma atração à parte. É coisa pra turista sim, pois existem outros meios de transporte bem mais baratos na cidade. Mas ir à Veneza e não andar de gôndola, não dá né! Então a gente aluga uma por 50 minutos (Custa 120 Euros!!!) e o gondoleiro nos conduz pelos canais. É uma viagem tranquila, silenciosa e serena. Parece sonho mesmo. A gente nem acredita que está ali.

E com tantas gôndolas andando por Veneza, é claro que placas de trânsito são necessárias! Placas para os barcos!

Eu não perdi a oportunidade de cantar "Corneto" na gôndola né! Olha a cara do gondoleiro lá trás gente, rs... Assista ao video abaixo:

 

Depois desses momentos de sonho na gôndola, a gente volta à realidade e bota os pés no chão. Literalmente, porque não tem carros em Veneza e a gente tem que andar a cidade toda à pé! 

É preciso ver com os próprios olhos para acreditar que a cidade ainda não afundou no mar. É inacreditável. Veneza é praticamente flutuante. Possui cerca de 100 canais, ligados por aproximadamente 400 mini pontes! Ah, que são pontes pequenininhas, branquinhas e lindinhas!

É curioso ver como a população se adaptou à isso. Tudo o que existe numa cidade normal em termos de veículos de quatro rodas, existe em Veneza em forma de embarcação: ônibus, taxi, ambulância, polícia, guindaste, coleta de lixo, transporte de alimentos e entulho de obras, transporte de mobília (mudanças), etc. Tudo é por via aquática!

 

A Praça São Marcos 

O que tem de mais famoso na cidade é a Praça de São Marcos, uma praça enorme, onde a gente passa um tempão tomando café, chupando sorvete e ouvindo as orquestras tocando ao vivo e ao ar livre. 

        Com meus pais.

 

Prepare-se para ver a maior concentração de pombos em toda sua vida!!!! hahahahahaha e de pessoas também.

Na Praça de San Marco, fica a Basílica, a Torre do Relógio, o Palácio dos Doges (Palazzo Ducale) e o famoso Caffe Florian (um dos mais tradicionais da Itália).

            Café Florian.

 

A Torre do Relógio, construído no século 15, indicava informações importantes aos navios que partiam dalí em direção ao Oriente. É um relógio astronômico, indica horas, meses, fases lunares e signos do zodíaco.

Em cima do relógio, estão as estátuas em bronze de dois homens, que por meio de um mecanismo se movem e batem os sinos do relógio. Um homem é mais velho que o outro e representam o passado e o futuro. O interessante é que o homem velho bate o sino dois minutos antes da hora certa, e o mais jovem, dois minutos depois.

              Praça São Marcos.

 

O interessante é que a praça sofre com constantes inundações, já que está localizada na parte mais baixa de Veneza. Quando chove muito, a água do mar invade mesmo!

 

Basílica de São Marcos

A Basílica de São Marcos é muito antiga, datada do século 12. Por dentro é pequena e bastante bonita. As paredes são todas cobertas com mosaicos dourados, bronze e pedras, numa grande mistura de estilos, mas sem dúvida é o bizantino que prevalece. Pode subir na sacada da igreja, de onde se tem uma vista linda da praça e do mar.

Viaje para Veneza com a família

Na fachada central da Basílica de São Marcos, estão posicionados os quatro cavalos de bronze que fizeram uma longa viagem antes de chegarem a Veneza. Em origem acredita-se que eles sejam de época romana, mas adornavam o hipódromo de Constantinopla antes que os venezianos saqueassem a cidade e levassem-nos embora, em 1204, durante a IV Cruzada. 

Em 1254, os cavalos foram posicionados no terraço da Basílica de São Marcos, onde ficaram até 1797, quando Napoleão invadiu a cidade e os levou para Paris. Eles serviram de inspiração para os cavalos do Arco do Triunfo do Carrossel. 

Finalmente em 1815, após a Batalha de Waterloo, os cavalos voltaram à Serenissima. Hoje os cavalos originais estão no Museu da Basílica para proteger-los da poluição e riscos. No terraço da basílica estão as cópias idênticas.

          Os cavalos.

 

 

Palazzo Ducale 

O Palazzo Ducale (Palácio dos Doges) é um dos maiores monumentos de Veneza. Data do ano de 1309 e faz parte da Praça de San Marco. Nele funciona um museu, onde pode-se ver toda a riqueza que imperou durante séculos enquanto Veneza influenciava o resto do mundo com sua história. Além do museu, hoje também funcionam nele escritórios de órgãos públicos governamentais.

 

A Ponte dos Suspiros 

Também chamada de Ponte da Cadeia. A Ponte dos Suspiros fica próxima à Praça São Marco. É uma ponte linda que liga o Palazzo Ducale à Prigioni Nove (o primeiro edifício no mundo construído para ser uma prisão). 

Dizem que leva esse nome porque os prisioneiros ao atravessá-la, suspiravam ao ver o mundo externo pela última vez. Mas na minha opinião, a gente suspira ao vê-la, porque ela é linda demais! Acho que o nome deve ser por isso, rs.

É uma ponte em arco, feita de pedra de Ístria no ano de 1600. Comprimento total 11 m e arquiteto Antonio Contin.

          O outro lado da Ponte dos Suspiros, vista "de lá pra cá."

 

Ponte Rialto 

A Ponte Rialto é a ponte mais conhecida de Veneza. Foi construída entre 1588 e 1591, sendo uma das três pontes que cruzam o Grande Canal. Fotos clássicas são tiradas ali.

         Foto da Ponte Rialto tirada do Grande Canal.

 

Passeio de Vaporetto por Veneza Blog da Ana Cassiano

 

O Vaporetto 

Este é o principal meio de transporte de Veneza. É um barco grande que funciona como ônibus. Ele vai parando nos pontos (pequenos portos) espalhados pela cidade, tem várias linhas e é bastante econômico. Compre o bilhete válido por um dia todo, vale super a pena. 

Além disso, o vaporetto liga Veneza às outras ilhas famosas ao redor, como por exemplo a Ilha de Murano e Lido. Falo delas mais abaixo. Quando for comprar os tickets da passagem, pegue também o mapa que explica direitinho todos os trajetos de todas as linhas.

            O Vaporetto.

 

A linha mais bonita é sem dúvida a que passa pelo "Gran Canale" (grande canal). É um belíssimo passeio, dá para admirar todas as construções, palácios, igrejas e monumentos, uma vista realmente privilegiada de Veneza. Dá pra tirar ótimas fotos e guardar pra sempre na memória essa viagem, uma das mais ricas experiências da sua vida, tenho certeza.

             O Grande Canal.

 

Andando de Vaporetto, a gente passa pelas construções mais bonitas da cidade.

Assista ao video abaixo:

 

Ilha da Giudecca 

A Ilha da Giudecca fica a 300 metros de Veneza, demorando apenas três minutos de vaporreto a partir da praça de São Marcos. De lá tem-se uma bela vista de Veneza! É onde fica a Igreja da Redenção e na frente dela tem um maravilhoso pátio, ótimo para caminhar e admirar a paisagem.

         Igreja da Redenção.

 

             Igreja da Redenção vista da Praça de São Marcos.

 

A Ilha da Giudecca fica a 300 metros de Veneza, demorando apenas três minutos de vaporreto a partir da praça de São Marcos. De lá tem-se uma bela vista de Veneza! É onde fica a Igreja da Redenção e na frente dela tem um maravilhoso pátio, ótimo para caminhar e admirar a paisagem.           Aqui estamos no pátio da Igreja da Redenção, com Veneza ao fundo. Eu com meus pais.

 

A Festa do Redentor

A Festa do Redentor é um dos feriados favoritos de Veneza. É comemorado no terceiro final de semana de julho. É o aniversário do fim da epidemia de peste de 1577, para o qual a Igreja do Redentor foi construída. 

Para esta celebração, o canal "Giudecca" fica cheio de barcos que passam pela igreja. Por tradição, na noite de sábado, muitas famílias venezianas organizam jantares a bordo dos seus barcos e esperaram pela queima de fogos de artifício que vão das 23:30 até meia-noite, iluminando toda a cidade. É lindo demais! 

Em seguida, a festa acaba esperando pelo amanhecer em Lido, uma das ilhas de Veneza. É uma festa espetacular, cheia de luzes, música e muitos, muitos turistas.

            Igreja da Redenção no pôr-do-sol, linda foto que eu bati de dentro do Vaporetto.

 

Murano e Lido

Murano e Lido são duas importantes ilhas que ficam nas proximidades de Veneza. Elas também estão na rota dos turistas que visitam Veneza porque o acesso é fácil e rápido usando os barcos (Vaporetto). A viagem dura cerca de 30 minutos. Vale à pena conhecer.

Para ler sobre Murano e Lido, clique AQUI→  www.anacassiano.com.br/murano-e-lido-italia/

 

Leia também:

Outras cidades e passeios pela Itália

Ana Cassiano

Morei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.

MMorei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.orei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.